Briófitas

  • Briófitas (do grego bryon: ‘musgo’ e phyton: ‘planta’) são plantas pequenas, geralmente com poucos centímetros de altura, que vivem preferencialmente em locais úmidos e sombreados.
  • São plantas criptógamas (não produzem flor, semente ou fruto).
  • Parede celular constituída de celulose (sem lignina).
  • São seres haplodiplobiontes, onde a fase gametofítica(n) é duradoura e a esporofítica(2n) é passageira.
  • São  capazes de realizar fotossíntese, sendo autótrofos fotossintetizantes.
  • Possuem o corpo na forma de talo, sem raízes, caule e folhas diferenciadas.
  • São plantas avasculares (ausência de vasos condutores), os líquidos são conduzidos por difusão célula a célula, o que limita o tamanho desses vegetais.
  • O transporte de água de célula a célula é muito lento e as células mais distantes morreriam desidratadas.
  • São plantas comuns em locais úmidos e que não recebem luz direta do sol.

O corpo do musgo é formado basicamente de três partes ou estruturas:

  1. rizóides – filamentos que fixam a planta no ambiente em que ela vive e absorvem a água e os sais minerais disponíveis nesse ambiente.
  2. caulóide – pequena haste de onde partem os filoides.
  3. filóides -estruturas clorofiladas e capazes de fazer fotossíntese.

Reprodução: Sexuada e Assexuada.

Reprodução Sexuada: As briófitas dependem da água para a reprodução sexuada, pois os anterozóides precisam dela para se deslocar e alcançar a oosfera.  Nesta situação, os gametas masculinos (anterozóides) se deslocam, com auxílio de seus flagelos, até os gametas femininos da planta (oosfera). Ao fecundar, o zigoto sofre mitoses e forma um embrião.

O embrião se desenvolve por meio de novas mitoses e dá origem ao esporófito. Em sua cápsula, desenvolvem-se esporos, a partir de meioses sofridas pelas células-mães. Estes são liberados após certo período, e o esporófito morre.

Encontrando condições propícias, os esporos desenvolvem-se, formando protonemas. Estes crescem e dão origem ao musgo adulto que dará continuidade a este ciclo. Os musgos verdes que vemos no solo úmido são plantas sexuadas que representam a fase chamada gametófito, isto é, a fase produtora de gametas.

Reprodução Assexuada: ocorre por fragmentação, quando a planta adulta cresce, divide-se em pedaços irregulares chamados propágulos, e estes são levados pela ação do vento e da água da chuva até o solo, germinando e formando uma nova planta.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s