BENEFÍCIOS DA AGRICULTURA ORGÂNICA

A agricultura orgânica tem como ponto de base os princípios da agroecologia . Não usa fertilizantes sintéticos, agrotóxicos, reguladores de crescimento ou aditivos sintéticos para a alimentação animal. Esses insumos químicos são substituídos por processos biológicos. O manejo na agricultura orgânica valoriza o uso eficiente dos recursos naturais não renováveis, bem como o aproveitamento dos recursos naturais renováveis e dos processos biológicos .

É o sistema de produção que tem por objetivo preservar o meio ambiente, a biodiversidade, os ciclos e as atividades biológicas do solo. Esta prática agrícola preocupa-se com a saúde dos seres humanos, dos animais e das plantas, entendendo que seres humanos saudáveis são frutos de solos equilibrados e biologicamente ativos, adotando técnicas integradoras e apostando na diversidade de culturas, levando ao desenvolvimento de inimigos naturais, sendo item chave para a obtenção de sustentabilidade. O solo é um organismo vivo e o manejo do solo propicia oferta constante de matéria orgânica (adubos verdes, cobertura morta e composto orgânico), resultando em fertilidade do solo.

Fundamenta-se em princípios básicos:

– Respeito à natureza.

– Reciclagem de recursos.

– Independência dos sistemas de produção: ao substituir insumos tecnológicos e agroindustriais.

– Inserção de processos biológicos nos modos de produção.

– Manutenção da biodiversidade;

– Preservação do meio ambiente.

-Desenvolvimento econômico e social.

-Qualidade de vida humana.

A agricultura orgânica ainda oferece nos supermercados e quitandas produtos com preços elevados em comparação aos de produtos agrícolas produzidos de maneira convencional (com aditivos químicos), sendo necessário maiores incentivos de governos para “baratear” o preço final do produto orgânico, popularizando esse método de produção na maioria das propriedades rurais  e cooperativas, e divulgando os seus benefícios para a sociedade e investidores.

BENEFÍCIOS: A AGRICULTURA ORGÂNICA REDUZ CUSTOS NA PRODUÇÃO E AGREGA VALOR AOS PRODUTOS.           

No Brasil, a produção orgânica é uma atividade que está em grande expansão entre os agricultores familiares e assentados oriundos da reforma agrária. Acredita-se que em torno de 85% dos produtores orgânicos brasileiros sejam produzidos dessa forma. Esse tipo de agricultura é responsável por uma redução considerável da fadiga do terreno e por uma diminuição no consumo de água, pois elimina o uso de produtos químicos.

Este tipo de produção é voltado para o cultivo de cereais, oleaginosas e leguminosas. Essa prática permite uma considerável redução de custos ao pequeno produtor, além de agregar valor aos produtos, que vão para o mercado com selos de respeito ecológico, sua garantia de qualidade.

As pessoas acreditam que esse tipo de produção é mais caro que o tipo de produção convencional. Mas é um pensamento errôneo, pois, além de ser um sistema de produção de menor custo, ele ainda produz alimentos mais vistosos e permite que as plantas possam expressar todo o potencial produtivo que elas possuem.

Esse sistema de produção traz benefícios como: plantas de qualidade, que não apresentam riscos de envenenamento para aqueles que irão consumi-las. Além disso, o produtor que lida diretamente com a produção pode ficar tranquilo, pois nesse sistema ele irá trabalhar em um ambiente protegido de chuvas e de solos encharcados, já que só é possível fazer uma produção orgânica sob um abrigo de cultivo. Por fim, o ambiente também lucra com a produção orgânica, pois não há agressões de produtos químicos.

Além dos benefícios já citados, como é o caso da redução dos custos da produção (já que nesse tipo de sistema não é necessário altos investimentos em produtos químicos), ocorre também uma maior resistência aos cultivos de seco, reduzindo significativamente o consumo de água e os custos que isso também implicaria.

Para a implantação de uma agricultura orgânica de qualidade, o produtor deve buscar todas as informações científicas e práticas que o sistema demanda. Só assim será possível realizar uma produção que seja ecologicamente correta e capaz de proporcionar os resultados econômicos desejados, como economia na produção e maior valor de venda dos produtos.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s